Notícias

Temos o direito de ser esquecidos?

Esse debate tem sido pauta de muitas discussões que envolvem as redes digitais.

De um lado o indivíduo reivindica o direito de ter suas informações excluídas da rede para preservar sua privacidade. Do outro, sites de busca como o Google e empresas de comunicação, como o The Guardian e a BBC alegam que utilizam tais dados para fins jornalísticos e que a exclusão desse material feririam a liberdade de expressão.

Ativistas lutam para que essa questão seja debatida de maneira global, uma vez que os dados na rede podem ser acessados em qualquer lugar do mundo, além disso pede-se também que cada caso seja apurado por órgão judicial responsável para que haja equilíbrio entre a liberdade de expressão e o direito à privacidade de cada cidadão.
Afinal de contas, temos o direito de ser esquecido?

Leia mais em: //www.laquadrature.net/en/the-right-to-be-forgotten-dont-forget-the-rule-of-law

Artigo AnteriorPróximo Artigo

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

8 − 4 =